Maison et Jardins de Claude Monet – A Visita

Claude Monet, pintor impressionista, viveu os últimos 43 anos de sua vida em Giverny, entre 1.883 até falecer, em 1.926. O pintor projetou o Jardim de Flores e o Jardim D’Eau (Jardim das Águas; Jardim Aquático), que foram uma fonte de inspiração para suas obras.

Ao chegar nas bilheterias provavelmete vocês encontrarão uma fila (rápida). Há opção de comprar seus tickets com antecedência pela internet, através dos sites da Fundação Claude Monet e da Fnac. Ao adquirir seus bilhetes vocês terão acesso ao Jardim de Flores, ao Jardim D’Eau, à Casa-Museu (Maison) e à Loja (Atelier des Nymphéas).

-Jardim de Flores:

É impossível não se encantar com a beleza e com a explosão de flores! Suas cores formam uma combinação perfeita, variando entre tons de rosa, amarelo, vermelho, roxo e branco. Alguns trechos do jardim não são acessíveis ao público, mas podem ser contemplados a pequena distância.

jardim de monet

A beleza das flores do Jardim de Monet (Foto: Tissiana Souza).

jardim de monet

As cores do jardim são incríveis! (Foto: Tissiana Souza).

jardim de monet

Jardins de Monet (Foto: Tissiana Souza).

-Casa-Museu (Maison de Monet):

A bonita casa onde o pintor viveu atualmente é um museu e conserva os móveis e a rica decoração. Não é permitido fotografar o interior. Somente utilizei a câmera para tirar foto do jardim pela janela do quarto de Monet. A vista é uma verdadeira fonte de inspiração.

jardim de monet

A Casa onde viveu Claude Monet (Foto: Tissiana Souza).

jardim de monet

Com uma vista assim era fácil Monet acordar inspirado! (Foto: Tissiana Souza)

-Jardim D'Eau:

Através de uma passagem subterrânea você chegará ao Jardin D’Eau de inspiração oriental, onde está a famosa Pont Japonais (Ponte Japonesa).

Além da ponte, outra marca do Jardin D’Eau é a presença de nenúfares (nymphéas) no lago e do Salgueiro Chorão. O jardim é bastante arborizado e um ótimo lugar para sentar e aproveitar a beleza das árvores e das flores.

jardim de monet

A famosa Ponte Japonesa, nos jardins de Monet (Foto feita pela minha mãe).

jardim de monet

O Lago, onde é possível ver as nenúfares (Foto: Tissiana Souza).

jardim de monet

Nenúfares (Foto: Tissiana Souza).

Em um tempo de cerca de 2 a 3 horas é possível conhecer os jardins por completo. Antes de sair, dêem uma passada na loja, pois há muitas opções de lembranças.

Para retornar à estação de trem de Vernon, peguem o ônibus no mesmo lugar em que vocês desceram em Giverny.

Endereço

Rue Claude Monet, 84, Giverny

Preços para o ano de 2015

Adultos: 9,50 €
Menores de 7 anos: Gratuito
Maiores de 7 anos e estudantes: 5,50 €
Deficientes: 4 €

Horário

Todos os dias, das 9:00 às 18:00 horas. Última entrada às 17:30.

Aberto de 28/03/2015 a 01/11/2015.

Para mais informações

Fundação Claude Monet:
http://fondation-monet.com/

Adicionar um comentário

%d blogueiros gostam disto: