Monte Verde: Gastronomia e Hospedagem

Monte Verde é um local para quem gosta de comer, e comer bem! Nós aproveitamos nossa estadia no distrito para sair da dieta!
Com relação à hospedagem, Monte Verde é caracterizada pela presença de muitas pousadas com chalés.

1. NOSSA HOSPEDAGEM:

Ficamos na Pousada Cantinho de Monte Verde. Ela fica bem localizada, na Av. do Aeroporto, próximo da Av. Sol Nascente.

monte verde

Pousada Cantinho de Monte Verde (Foto: Tissiana Souza).

A pousada fica perto dos bares e restaurantes da Av. Monte Verde. No nosso primeiro dia no distrito, seguimos a pé para conhecer o centro turístico. Nos outros dias choveu muito e saímos de carro, pois a rua da pousada não é asfaltada.
Ficamos em um chalé com cama de casal, lareira, frigobar, espaço para colocar as malas e roupas, uma mesinha com duas cadeiras, TV a cabo, ventilador. O banheiro tem aquecimento de água a gás e nossas toalhas foram trocadas todos os dias.

monte verde

O interior do chalé (Foto: Tissiana Souza).

monte verde

Interior do chalé (Foto: Tissiana Souza).

Além das cobertas da cama (próprias para lugares bem frios), ainda havia mais três cobertores reserva no quarto!

O ambiente é rústico e aconchegante, para que as pessoas se sintam bem nas temperaturas mais amenas do distrito.

O café da manhã tem 5 ou 6 opções de pão, frutas (mamão, banana, maçã, etc), café, leite, suco de laranja natural, pão de queijo quentinho, frios, outros pãezinhos salgados e doces, bolos (os sabores variavam todo dia e eram excelentes, com gosto de comida caseira) e teve também uma torta de limão que estava divina! Passamos muito bem!

A pousada tem estacionamento para os hóspedes, um mirante para a cidade e um jardim.

monte verde

Vista de Monte Verde no mirante da pousada (Foto: Tissiana Souza).

O atendimento também é muito bom! O proprietário é conhecido na cidade por “Escovinha” e nos deu dicas de coisas para fazer em Monte Verde. Ele também é uma pessoa que se mostra preocupada com o bem-estar dos hóspedes, sempre perguntando se gostamos do café da manhã, se estávamos satisfeitos, se precisávamos de alguma coisa.

Reserve sua estadia em Monte Verde pelo nosso parceiro Booking.com clicando aqui!

 2. ONDE COMEMOS:

 Há muitos lugares para comer em Monte Verde! Muitos mesmo! Foi difícil escolher! 

-Café Bistrô (Av. Monte Verde, 1000): Fizemos nossa primeira refeição em Monte Verde no Café Bistrô. Comemos um prato executivo de parmegiana acompanhada por arroz e fritas, por R$25,90. O prato era bom e com bastante comida! Tomamos um suco (R$7,00 copo).

Foi cobrado um couvert artístico de R$10,00/pessoa, pois uma banda tocava no barzinho. A banda era boa, tocando músicas clássicas de rock, porém o barulho era ensurdecedor! Para conseguirmos conversar, precisamos sentar bem longe de onde a banda estava!

monte verde

Parmegiana: nossa 1ª refeição em Monte Verde (Foto: Matheus Sabino).

-Fritz Cervejaria Artesanal (Rua Rolinha, 40): depois de fazermos o tour cervejeiro, jantamos no Fritz. O restaurante é especializado em comidas típicas alemãs!

Escolhemos um Eisbein (joelho de porco), que veio acompanhado de batatas, chucrute (repolho refogado) e duas salsichas alemãs. Muita comida! Tomamos uma caneca de chopp tipo Weizen (feito de trigo) e fechamos a comilança com uma torta holandesa!

monte verde

Comida alemã no Fritz (Foto: Matheus Sabino).

-Mont Vert – A Casa do Fondue (Rua Rolinha, 50): foi o nosso “almojanta”, após passarmos o dia fazendo trilhas! E mais uma vez, comemos demais! Pelos preços, compensou pedir o rodízio de fondue, até porque queríamos experimentar o salgado e o doce. E o restaurante é bem bonito!

Escolhemos o Fondue Tradicional, com cubos de filé mignon, de frango e carne suína, pão italiano e batatas, acompanhado de Fondue de Queijo e mais uma tábua com 8 tipos de molho para complementar. Veio muita comida!

monte verde

Comendo fondue em Monte Verde (Foto: Matheus Sabino).

Estava ótimo, mas só aguentamos comer metade da nossa tábua de carnes e nem metade do cestinho de pão! Ficamos tristes em ver tanta comida ser desperdiçada! Já que é um rodízio, o esquema deveria ser uma tábua com bem menos quantidade de carne e conforme a nossa fome, poderíamos pedir mais algumas pecinhas (igual a um rodízio de comida japonesa, por exemplo).

O ruim do fondue salgado é que tivemos que ficar fritando a carne na pedra enquanto comíamos.

Como sobremesa, optamos pelo Fondue de Chocolate, acompanhado por 5 tipos de frutas (banana, morango, abacaxi, uva e melão). Gostamos mais do doce!

monte verde

Fondue doce (Foto: Matheus Sabino).

-Restaurante Pucci (Av. Monte Verde, 1117): o Pucci tem um ambiente muito intimista, já que tem poucas mesas. Fica em frente à Praça da Árvore, mais afastado do centro movimentado. Escolhemos o prato de truta para 2 pessoas, acompanhado de arroz e molho de alcaparras ou de amêndoas. Cada um escolheu um molho para provar. Um prato, mais uma vez, com muita comida e muito saboroso!

monte verde

Um belo prato de truta! (Foto: Matheus Sabino).

-Gressoney Chocolates (Av. Monte Verde, 636): tomar um chocolate quente no meio da tarde é um ótimo programa para um dia frio e chuvoso! Escolhemos um chocolate quente cremoso da Gressoney e também aproveitamos para comprar a Prímula, uma espécie de bolinho recheado. Prímula é parecida em seu aspecto com um pão de mel, mas não tem o mesmo gosto! Também não é alfajor!
O recheio é de doce de leite e a cobertura é de chocolate! É realmente muito bom!

monte verde

Chocolate quente para aquecer! (Foto: Tissiana Souza).

monte verde

Prímula, um doce típico de Monte Verde (Foto: Tissiana Souza).

Restaurante Galinha da Roça (Av. da Fazenda, 37): para fechar nossas comilanças por Monte Verde, fomos a um rodízio de sopas no Restaurante Galinha da Roça. Com o friozinho da cidade, sopas caem bem!

O valor era de R$19,90/pessoa. Seis tipos de sopas faziam parte do cardápio: caldo verde, canja, feijão, ervilha, cebola e mandioquinha. Fatias de pão quentinho, queijo ralado, salsinha e couve cortada em finas fatias complementavam as sopas! Uma delícia!

Para mais informações

Prefeitura de Camanducaia:
http://www.camanducaia.mg.gov.br/

Guia Monte Verde:
http://www.guiamonteverde.com.br/

 

Adicionar um comentário

%d blogueiros gostam disto: