Cachoeiras de Cunha

Visitar Cunha também é sinônimo de conhecer cachoeiras!

Há 6 cachoeiras para serem conhecidas no entorno da cidade de acordo com o Mapa Turístico, e nós fomos a duas destas: a Cachoeira do Desterro e a Cachoeira do Pimenta!

1. COMO CHEGAR ATÉ A CACHOEIRA DO DESTERRO:

A mesma estrada leva às duas cachoeiras. 

Para chegar à Cachoeira do Desterro, dentro da cidade de Cunha, siga as placas marrons que indicam a Cachoeira do Pimenta. Você acessará a estrada municipal inicialmente asfaltada, e que depois passará a ser de terra. Atenção e cuidado, pois a estrada tem muitas curvas, buracos, e trechos de desbarrancados. Dirigir com cautela é essencial!

Não é difícil chegar até a Cachoeira, pois existem algumas pequenas placas indicando a direção. Mas, se você quiser garantir que não haverá erro no caminho, minha sugestão é utilizar o Google Maps no modo offline, pois o sinal de telefonia em Cunha é péssimo e conseguir usar Waze ou Google Maps online é quase impossível!

A Cachoeira do Desterro fica a cerca de 10,5 km de Cunha, em uma propriedade particular. Você chegará em uma porteira escrito "FAVOR MANTER FECHADO".

cachoeira do desterro

Passe por essa porteira para chegar na propriedade onde fica a Cachoeira do Desterro (Foto: Tissiana Souza).

É só passar por esta porteira, que não tem tranca! Continue pela estrada (passe pela casa azul da foto) e logo você encontrará um espaço aberto que serve como "estacionamento". O veículo pode ser deixado perto dos bambueiros, próximos ao rio.

Depois, são cerca de 300 m de caminhada por uma trilha que margeia o rio e pronto! Você estará na Cachoeira!

2. A CACHOEIRA DO DESTERRO:

A Cachoeira do Desterro pode ser observada de diversos ângulos!

Se estiver com um baixo volume de água, é possível andar na parte alta, de onde você verá o lago, a prainha do lado esquerdo e o paredão do lado direito.

cachoeira do desterro

O lago visto da parte de cima da Cachoeira do Desterro (Foto: Tissiana Souza).

Descendo até o nível do lago, você pode escolher um lugar para sentar e deixar suas mochilas antes de mergulhar nas águas geladas!

A cachoeira tem 12 m de altura e não é volumosa, mas como está confinada entre paredões, tem um som intenso de água! É um som relaxante! Um dos melhores sons da natureza na minha opinião!

A Cachoeira do Desterro tem 3 véus de água: dois maiores e um filetinho! Preste atenção nas andorinhas fazendo seus voos rasantes. Os ninhos ficam escondidos no paredão onde desce a cachoeira!

cachoeira do desterro

A Cachoeira do Desterro (Foto: Tissiana Souza).

Gostamos muito do local por ser bem tranquilo e com poucos visitantes!

Há ainda mais uma pequena queda d'água abaixo da Cachoeira do Desterro. Muitos visitantes preferem ficar nesta parte do rio.

cachoeira do desterro

Pequena queda d'água alguns metros abaixo da Cachoeira do Desterro (Foto: Tissiana Souza).

Não existe estrutura, portanto, leve água e lanche e um saco para armazenar o lixo produzido: a natureza agradece! A trilha é tranquila e pode ser feita de bermuda e chinelo. 

3. COMO CHEGAR À CACHOEIRA DO PIMENTA:

Saímos da Cachoeira do Desterro rumo à Cachoeira do Pimenta. São 2,5 km de distância por estrada de terra.

Desterro-Pimenta

Imagem Google Maps (2017) mostrando a distância entre a Cachoeira do Desterro e a Cachoeira do Pimenta.

4. CACHOEIRA DO PIMENTA:

A Cachoeira do Pimenta gera um primeiro impacto positivo ao ser vista da estrada de terra: é muito grande! São 70 m de queda d’água!

cachoeira do pimenta

Cachoeira do Pimenta vista da estrada de terra (Foto: Tissiana Souza).

Na Cachoeira do Pimenta há estrutura para os visitantes: uma pequena lanchonete e sanitários. O estacionamento é bastante disputado por lá! Foi difícil encontrar um cantinho para parar! Esta é a queda d’água mais visitada pelos turistas!

A Cachoeira é formada por 3 lances, como se fossem várias cachoeiras em uma só! 

Uma trilha leva a estes diferentes "degraus" da Cachoeira. A parte próxima à lanchonete é bastante concorrida pelos visitantes, pois há um grande gramado onde é possível sentar e colocar cangas e toalhas para deitar. Já as partes mais altas são pouco disputadas. As pessoas sobem até lá, mas geralmente voltam para a parte mais baixa.

cachoeira do pimenta

Parte mais baixa da Cachoeira do Pimenta (Foto: Tissiana Souza).

cachoeira do pimenta

2ª parte da Cachoeira do Pimenta (Foto: Tissiana Souza).

cachoeira do pimenta

Terceira parte da Cachoeira do Pimenta, logo após a antiga Usina Hidrelétrica (Foto: Tissiana Souza).

Eu e o Matheus optamos por ficar na parte alta, na sombra de uma árvore, próximo à antiga usina hidrelétrica que existia no local. O rio é bastante raso e é possível caminhar pelo leito. Cuidado com as pedras lisas!

Gostamos das duas cachoeiras, mas particularmente, curtimos mais a Cachoeira do Desterro! Ficamos com vontade de conhecer as outras quedas d'água de Cunha -  Cachoeira do Paraintinga, Cachoeira Mato Dentro, Cachoeira do Jericó e Cachoeira do Faé, além da Gruta de Canhambora. Mas, infelizmente, pela falta de tempo não conseguimos! É uma oportunidade para voltar 🙂 

Preços para o ano de 2017

Gratuito

Para mais informações

Prefeitura de Cunha:
http://www.cunha.sp.gov.br/

Adicionar um comentário

%d blogueiros gostam disto: