A Boca da Verdade: um mito de Roma

A Boca da Verdade (ou Bocca della Verità) é um monumento esculpido em mármore pavonazzetto (branco de veias arroxeadas) e muito famoso na cidade de Roma!
A boca está no pórtico de entrada da Basílica di Santa Maria in Cosmedin desde o ano de 1632.
A entrada da igreja é relativamente discreta, cujo destaque é dado pela sua torre.
Nós mesmos quase passamos reto! Só paramos porque vimos uma movimentação de pessoas na porta e o Matheus disse “Eu acho que é aqui”. Como era outono e o tempo já estava bem frio e chuvoso, a fila na igreja era pequena.

1. COMO CHEGAR:

-Metrô: a estação mais próxima é a Circo Massimo. Saia para a Via del Circo Massimo em direção ao Rio Tevere. Siga pela Via que depois passará a se chamar Via della Greca e em seguida vire à direita na Piazza della Bocca della Veritá e pronto! Você chegará na entrada da Basilica di Santa Maria in Cosmedin. São 750m de caminhada.

Nós fomos depois de visitar o Palatino e a caminhada tem cerca de 1.100m. Saindo pela Via di San Greggorio, vire à direita na Via dei Cerchi (que passa ao lado do Circo Massimo).
Você pode seguir pela Via dei Cerchi até a Piazza della Bocca della Verità, onde virará à esquerda para chegar até a Basílica di Santa Maria in Cosmedin.
Ou também seguir pela Via dei Cerchi, virar à esquerda na Via dell’Ara Massima di Ercole, virar à direita na Via della Greca e novamente à direita na Piazza della Bocca della Verità.

2. A BOCA DA VERDADE:

A Boca da Verdade, como já dissemos, é uma escultura de mármore. Segundo o Site de Turismo Oficial da cidade de Roma, é uma antiga máscara onde se vê um rosto de aparência masculina com uma barba. De acordo com o site 060608.it, o rosto representa uma divindade fluvial (um deus do rio).
Os olhos, o nariz e boca deste rosto foram esculpidos até que a pedra ficasse perfurada para permitir o fluxo de água, pois acredita-se que este disco de 1,80m de diâmetro já foi, pasmem, uma tampa de bueiro!!!!! 
A Bocca della Verità ficou conhecida mundialmente em 1953, com o filme Roman Holiday, com Gregory Peck e Audrey Hepburn.
O monumento é famoso por uma tradição popular medieval: diz-se que se uma pessoa colocar a mão dentro da boca e contar uma mentira (ou não dizer a verdade), levaria uma “bela” mordida!
O fato é que hoje muitas pessoas que vão visitar Roma entram na fila para tirar uma fotografia com uma das mãos dentro da boca. Nós também fizemos isso, mas particularmente, não sei se faria de novo! Depois que tirei a foto, falei pro Matheus que achei a situação “meio estranha”. Uma única foto que precisa ser feita com pressa e nem dá tempo de se preparar muito! É um programa beeeeem turístico e eu considero que existem coisas mais interessantes para fazer em Roma! Particularmente considerei uma cilada!

Obs.: nada contra quem enfrentou a fila para tirar a foto, afinal também fiz isso! O texto expressa uma opinião muito pessoal!

boca da verdade

Olha eu aí na maior cilada turística que já enfrentei! (Foto: Matheus Sabino)

3. CHIESA DI SANTA MARIA IN COSMEDIN:

Após tirarmos a foto com a Boca da Verdade, conhecemos a Basílica de Santa Maria in Cosmedin.
A igreja foi fundada no Séc. VII, e fica situada onde existia o Ara Massima Erculi, o mais antigo mercado de alimentos da cidade, do período Flaviano. Algumas colunas do antigo mercado foram incorporadas à igreja (Fonte: 060608.it).

cosmedin

O interior da Basílica de Santa Maria in Cosmedin (Foto: Tissiana Souza).

Monges bizantinos projetaram o edifício no Séc. VIII. Devido à decoração, o templo também ficou conhecido como Cosmedin, que em grego significa ornamento (Fonte: 060608.it).
Ao longo dos séculos, a igreja passou por diversas modificações, como a inclusão da torre do sino de sete andares. O interior da igreja já foi totalmente restaurado para buscar suas características originais do Séc. VIII (Fonte: 060608.it).
Apresenta três naves divididas por quatro pilastras e dezoito colunas antigas. A varanda (ou pórtico) de entrada, onde está a Bocca della Verità, foi construída no Séc. XII.

cosmedin

As colunas no interior da Basílica

A igreja é bastante simples no interior! As paredes são todas de cores claras e uniformes, e as pinturas ficam nos altares central e laterais.
Os santos são retratados em pequenos quadros. Não me lembro de ver imagens nessa Igreja.

Desde setembro de 2016, a entrada para tirar uma foto com a Boca da Verdade e visitar a igreja custa 2€, mas na época em que visitamos pedia-se uma contribuição de 1€ para visitar a cripta, que é relativamente pequena.

A Cripta da Basílica (Foto: Tissiana Souza).

Endereço

 Piazza della Bocca della Verità, 18

Preços para o ano de 2017

Geral 2€

Horário

As visitas ocorrem durante o horário de funcionamento da Basílica.

Inverno - das 09:30 às 17:00 horas (última entrada às 16:50).
Verão - das 09:30 às 18:00 horas (última entrada às 17:50).

Para mais informações

Mapa do Metrô de Roma: 
http://www.rome.info/metro/

Turismo em Roma:
http://www.turismoroma.it/

Adicionar um comentário

%d blogueiros gostam disto: